Se não sou artesã, sou o quê?

Eeeee que lá vamos nós pra mais uma conversa sobre o Programa do Artesanato Brasileiro   (PAB). No último papo a gente falou sobre o q...


Eeeee que lá vamos nós pra mais uma conversa sobre o Programa do Artesanato Brasileiro (PAB). No último papo a gente falou sobre o que era, ou não era, artesanato. E eu concluí que não sou artesã. Se você não viu o post, clica aqui pra ver.

Pois então, aí fui tratar de descobrir o que eu sou. 
Me deparei com duas palavras bem conhecidas, mas que eu nunca mais tinha usado ou ouvido falar. Será que vocês lembram delas? "Trabalho manual"/"Trabalhos manuais". Gente!!! Não era à toa que minha professora de artes dizia que a gente ia fazer um trabalho manual na aula. 

Fui tentando lembrar, e tenho a impressão de que sempre (desde criança) falei "trabalhos manuais". Não sei quando foi que parei de falar isso e troquei pra artesanato. Mas acho que foi depois de maiorzinha. Na faculdade será? Não faço ideia. Vocês fizeram isso também? Trocaram "trabalhos manuais" por "artesanato". Pensem aí e me digam se vocês também falavam.

Pensando em trabalhos manuais, lembrei de artes manuais. Quem mais? Gente!!! Como assim? Como foi que esqueci essas expressões? 

Ali no comecinho eu disse que me deparei com a expressão "trabalhos manuais". E onde foi? No PAB. Lá tem a definição. E foi até engraçado ler.
Vejam só!

"Apesar de exigir destreza e habilidade, a matéria-prima não passa por transformação. Em geral são utilizados moldes pré-definidos e materiais industrializados." Pág. 14. É, vou ter que concordar! 

"As técnicas são aprendidas em cursos rápidos oferecidos por entidades assistenciais ou fabricantes de linhas, tintas e insumos." Pág. 14. É verdade é ou não é?

"Normalmente é uma ocupação secundária, realizada no intervalo das tarefas domésticas ou como passatempo." Pág. 14. Acho que esse "normalmente" ali já está quase ultrapassado. E fico feliz por isso! O que vocês acham?

"Em alguns casos, configura-se como produção terceirizada de grandes comerciantes de peças acabadas que utilizam aplicações de rendas e bordados como elemento de diferenciação comercial. São produtos sem identidade cultural e de baixo valor agregado." Pág. 14. Concordo com a primeira parte

"Utiliza matérias e técnicas de domínio público;" Pág. 14. Verdade, né!? Não preciso ir lá me encontrar com um mestre do scrap. Com a moça que aprendeu com a mãe, que aprendeu com a avó, e assim por diante. Posso aprender sozinha, nas revistas, internet e tal. É ou não é?

"Produtos baseados em cópias, sem valor cultural que identifique sua região de origem ou o artesão que o produziu;" Pág. 14. Essa parte feriu meu ego um pouquinho. hahaha Mas aí pensei mais um pouco e fez um sentido. O que vocês acham?

"Normalmente utiliza matéria-prima industrializada ou semi-industrializada;" Pág. 14. Verdade!!!

E aí? Vocês são artesãs ou fazem trabalhos manuais? Viram que pergunta chata? Quem faz trabalho manual é "trabalhador manual"? hahahaha Acho muuuuito estranho esse título. Vocês não?

É aí que o povo introduz os termos em inglês. Sei que tem gente que acha ruim, mas eu não. E o termo dessa vez é crafter.
Fui tentar ver se em inglês existe essa diferença entre artesão e trabalhador manual. Minha pesquisa não foi lá muito profunda, mas o que eu vi é que a diferença que eles fazem é entre artista e artesão/crafter. Tanto é que, lá as lojas são de "arts and crafts".

A definição de crafter? Alguém que faz craft. hahaha A definição de craft de acordo com o Oxford Dictionaries: uma atividade que envolve a habilidade de fazer coisas com a mão. Bom, essa é uma das definições. E se encaixa no que a gente faz, né? Então, podemos dizer que somos crafters. E no singular, crafter.

Mas aí, pode ser que essa definição esteja errada, do mesmo jeito que a gente pensava que artesanato era o que a gente fazia, né? Eeee lereeeeeee!!! Acho que isso eu nunca vou saber com certeza. Não estou me importando tanto a ponto de ir escarafunchar o inglês e as definições de craft. hahaha

Se você disser que é crafter, aqui no Brasil, algumas pessoas vão entender o que você faz, e outras não. Sempre assim, né? Mas e se você disser que faz trabalhos manuais? Aí sim. Todo mundo sabe!! A pessoa pode não saber o que você faz especificamente, mas ela vai saber que você faz produtos manuais. Produtos feito a mão!! Bingo!!! Cheguei na minha definição preferida!! Eu trabalho com produtos feito a mão. Não consigo dizer o que eu eu sou, mas o que eu faço sim. hahaha E lógico que tem uma palavra em inglês pra isso, né? Handmade. E eu adoro ela!

Daí fui ver uma outra expressão que combinasse e encontrei "manualidades". Achei essa palavra tão linda. É ela que o povo que fala espanhol usa. E super combina com o português também, né?

Agora, a bagunça com os termos continua, mas pelo menos a bagunça conceitual não né? Não somos artesãs, somos trabalhadoras manuais. Não fazemos artesanato, fazemos trabalhos manuais!!! Uhuuuuuu!! Pronto!! Tudo acertadinho agora.

E o que eu vou falar a partir de agora?
Se alguém me perguntar o que eu sou ou o que eu faço, vou dizer. "Eu trabalho com produtos feito a mão." Produtos únicos, feito com todo o meu amor. Ou quem sabe, "Eu trabalho com manualidades". Isso vai ter que servir pra responder tanto uma quanto a outra pergunta. Não vou dizer que sou trabalhadora manual. hahaha Acho estranho isso!!

Aff... textão né? Mas estou feliz com ele. Entendi e descobri tudo o que eu queria. E vocês? Como estão agora? Conseguiram se achar e acabar com alguma dúvida?

Me contem aqui nos comentários e vamos bater um papo sobre isso.
Se vocês gostaram do post, lembrem de curtir e compartilhar ele por aí.
Bjooooos

P.S. Só mais uma palavra em inglês que define quem eu sou e eu gosto muito dela: maker. Traduzindo seria "fazedor", alguém que faz coisas. Mas aí, mais um vez, eu prefiro a palavra em inglês. hahaha

Acho que você vai gostar desses posts

7 recadinhos

  1. Uau!!!! Textão bem explicativo!!!! E eu achava que era artesã, mas faz todo sentido, quando damos sentido às coisas . Eu nunca fiz artesanato, por que nunca transformei nada em alguma coisa, mas sempre foi no copiometro , kkkk. Mas mesmo assim, fico feliz que fazemos algo com carinho e exclusividade, seja que nome for né ?! Parabéns pelo empenho em descobrir a diferença de um e de outro, pois faz todo sentido. Um abraço !!!😉

    ResponderExcluir
  2. Adorei! E sobre essa parte aqui: "Produtos baseados em cópias, sem valor cultural que identifique sua região de origem ou o artesão que o produziu;" Pág. 14. Também senti uma alfinetada quando li! kkk Mas concordo que "valor cultural" é complicado, pois principalmente se considerar o scrap como álbum de fotos, o valor é bem pessoal. Já a parte de identificar o artesão que produziu... aí acho que em muitos casos identifica. E a própria frase chama a pessoa de artesão! aiaiai Mas vamos ficar com feito a mão que tá fofo. Bjs!

    ResponderExcluir
  3. Nossa!!! Quanta informação importante. Mas gostei de tudo. E tá muito bacana em dizer: "Eu trabalho com produtos feito a mão!" Parabéns Gabi. Muito amor envolvido. Adoro e me identifico muito com as expressões em inglês. Bjks.

    ResponderExcluir
  4. Adorei essa pesquisa gabi Parabéns! Eu amei o handmade!....beijos

    ResponderExcluir
  5. Amei o texto..... entao agora vou dizer .....trabalho com produtos feito a mão kkkkk. O importante é q fazemos td com muito amor. Bjim!!!!

    ResponderExcluir
  6. Gabi, adorei a pesquisa, e quero dar o meu pitaco: quanto ao valor cultural, acho que não temos que nos sentir ofendidas, porque refere-se à cultura local, algo tradicional da região ou país. Vamos a um exemplo: Quando eu vejo uns determinados cestinhos na rua, eu sei que foram as índias que fizeram, ou quando eu vejo a renda de bilro, popular em Florianópolis onde moro, eu sei que ela é daqui, e me vem as lembranças das senhoras, do mar, da pesca, da cultura local. Agora vamos para o scrapbook, já se tornou mundial, e não representa uma determinada cultura. O baixo valor agregado depende da aplicação e da técnica, que na maioria das vezes é simples, mas quando se faz algo elaborado, o preço sobe... Espero ter contribuído.

    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Enfim me encontrei tbm!rs¨*
    Ótimo texto Gabi!
    Beijos¨*

    ResponderExcluir

Oi! Obrigada por vir deixar seu recadinho. Eu fico mega feliz!